top of page
Buscar

Empresas de transporte apostam em medidas de segurança viária



Durante Fórum de Mobilidade, promovido pela Rádio Bandeirantes, SETCESP discute iniciativas do setor que proporcionam maior segurança às transportadoras.


O debate promovido pela Rádio Bandeirantes durante o Fórum de Mobilidade, na última segunda-feira (26), colocou em pauta questões pertinentes à mobilidade urbana. Ao longo do primeiro painel, foram discutidos os impactos da pandemia no sistema de transporte urbano e também o cenário pós-pandemia para o setor de transporte de cargas e passageiros, além de algumas ações e investimentos capazes de tornar a mobilidade mais inclusiva nas cidades.

O presidente do Conselho Superior e de Administração do Sindicato das Empresas de Transportes de Carga de São Paulo e Região (SETCESP), Tayguara Helou, participou do segundo painel representando a entidade de classe, indicando ferramentas e atividades que vêm sendo desempenhadas pelas empresas de transporte a fim de proporcionar uma maior segurança nas estradas. “Fazer entregas em horários alternativos é uma opção que está sendo tomada por todo o mundo, inclusive em São Paulo. Nós promovemos há aproximadamente 7 anos um projeto piloto com a Prefeitura do município de São Paulo e foi um sucesso. Muitas empresas aderiram, mas ainda há espaço para melhorar”, aponta. “Regulamentação e normas ajudam a incentivar essa prática de realizar entregas em horários alternativos, como durante à noite, diminuindo o congestionamento e melhorando a qualidade de vida das pessoas”, acrescenta Helou.

Os convidados encerraram o primeiro dia do Fórum de Mobilidade abordando a logística do mercado eletrônico, que vem crescendo e influenciando as operações nas empresas transportadoras, além de discutirem as mudanças nas leis do trânsito e o impacto na mobilidade urbana.

Sobre o SETCESP– Fundado em 1936, o SETCESP – Sindicato das Empresas de Transporte de Carga de São Paulo e Região – é fruto da união de empresários do transporte rodoviário de cargas (TRC) atuantes na rota entre São Paulo e Santos que necessitavam de uma entidade que fosse intérprete central da luta pelos direitos do segmento. Hoje, com 85 anos, é o maior sindicato patronal do setor na América Latina e protagonista de uma história com grandes conquistas e credibilidade reconhecida por transportadores, órgãos governamentais e representantes da esfera política. Sempre atualizado nas constantes demandas do TRC, o SETCESP vem sendo crucial e atuante para o desenvolvimento da categoria, não apenas para os 50 municípios que representa na grande região metropolitana de São Paulo, mas também para todo o Brasil. Além disso, a entidade oferece total apoio às mais de 21.000 empresas associadas com informações atualizadas, estudos técnicos, treinamentos, palestras e consultorias jurídica, econômica e operacional, entre outros serviços.


Fonte: SEGS

Comentários


bottom of page