Buscar

Logística deve ter R$ 124,3 bilhões de investimento privado até 2026

Projeção faz parte do Livro Azul, da Abdib, que analisa o investimento privado em infraestrutura.

A Abdib (Associação Brasileira da Infraestrutura e Indústrias de Base) projeta que o Brasil terá R$ 124,3 bilhões de investimento pelo setor privado em transporte e logística entre 2022 e 2026. A projeção faz parte da 2ª edição do Livro Azul da associação, lançado todo final de ano, e traz as principais projeções da Abdib.


Os investimentos em transportes e logística analisados pela associação incluem projetos a serem licitados e os licitados a partir de 2019 em fase inicial de investimentos de responsabilidade da iniciativa privada. Englobam investimentos no setor rodoviário, ferroviário, aeroportuário, portuário e mobilidade urbana.


Segundo a associação, em 2020 foram investidos R$ 23 bilhões no setor de transporte e logística, o equivalente a 0,23% do PIB. Mas o país precisa de 2,4% na proposta Abdib.

Nas projeções da associação, os próximos leilões programados para 2022 representam um volume adicional de investimento, para os próximos anos, de R$ 339 bilhões a serem realizados, em sua maior parte, com recursos privados através de concessões e/ou PPPs (Parcerias Público-Privadas).


Nas contas da associação, os investimentos entre 2022 e 2026 serão os seguintes para os setores:

Rodoviário: R$ 64,3 bilhões;

Ferroviário: R$ 39,2 bilhões;

Portos: R$ 6,9 bilhões;

Aeroportos: R$ 8,2 bilhões;

Mobilidade Urbana: R$ 5,7 bilhões.


PRINCIPAIS OBRAS

Em rodovias, a Abdib destacou a intenção do governo em elevar a participação privada no setor e o projeto de 3,3 mil km de rodovias no Paraná que deve ir a leilão em 2022. Na área ferroviária, o destaque foi para as renovações antecipadas da Malha Paulista pela Rumo, e da Estrada de Ferro Vitória-Minas e Estrada de Ferro Carajás, ambos da Vale. Para 2022, a expectativa é quanto ao leilão da Ferrovia Norte-Sul.


A associação destacou as licitações dos 27 terminais portuários entre 2019 e 2021 e informou que espera o avanço da privatização do Porto de Santos em 2022. Em aeroportos, o destaque foi para a expectativa de investimento de R$ 8 bilhões nos ativos que serão vendidos no ano que vem na 7ª rodada de leilão.


Na área de mobilidade urbana o destaque foi para a expectativa de investimento de R$ 13 bilhões com a construção do metrô de Belo Horizonte, Trem Intercidades e a concessão do metrô do Distrito Federal....


Fonte: Poder 360